Culto de Oração – Hoje Ao Vivo / Live
29/04/2020
Meditação diária de 01/05/2020 por Flávio Reti – Embalsamamento
01/05/2020

Meditação diária de 30/04/2020 por Flávio Reti – Embalagem Tetra Pak

30 de abril

Jó 19:25-26  “ Eu sei que o meu Redentor vive, e que no fim se levantará sobre a terra. E depois que o meu corpo estiver destruído e sem carne, ainda verei a Deus” (NVI)

Embalagem Tetra Pak

Tetra Pak na verdade é o nome de uma empresa que criou um tipo de embalagem feito com cartolina aluminizada que hoje é usada na maioria das embalagens de leite, de molhos, de sucos prontos para beber. Lembrando que a Tetra Pak não vende as máquinas de fazer e de fechar essas embalagens, ela instala na sua empresa uma de suas máquinas e ela mesma opera o serviço de embalar. É uma empresa Sueca cujo significado do nome Tetra, no grego quer dizer quatro e Pak do Inglês que quer dizer pacote e que vem fabricando embalagens para alimentos desde que foi fundada em 1951, em Lund, na Suécia. Suas embalagens são feitas com duas camadas de papel cartonado, uma camada de alumínio para barrar a entrada de luz e de oxigênio e outra camada de um filme de polietileno para vedar, impedir vazamentos e não permitir contato do alimento com o alumínio. Porém, a Tetra Pak tem aí um grande problema nas mãos que é a reciclagem desse material. Se deixadas na natureza, as embalagens tetra vão demorar 100 anos para se degradarem, então a reciclagem das embalagens após consumo passou a ser preocupação da empresa porque a separação desses materiais exige maquinaria especial na hora de reciclar, porque não é só papel cartonado, não é só alumínio e não é só plástico (polietileno), mas os três juntos com diferentes técnicas de reaproveitamento. Costumamos chamar esse tipo de embalagem de caixinha de longa vida e de fato é tanto que o produto embalado se conserva muito tempo mesmo sem refrigeração e também é de longa vida mesmo depois de descartada se transformando em um problemão para o meio ambiente. Veja que antigamente o leite era distribuído em garrafas de vidro e hoje nas caixinhas longa vida. Houve um tempo em que o leite era distribuído em saquinhos plásticos. Todas as três embalagens são problema para a natureza e ainda não se chegou a uma embalagem que resolva todos os problemas como segurança do produto e reciclagem da embalagem. E se pensarmos em nós como embalagem? Afinal, todos nós levamos conosco alguma coisa internamente que deve servir à humanidade. E se nós somos a embalagem, o que deverão fazer conosco depois de servidos? Descartar no lixo comum ou enviar para reciclagem? Duas coisas podem acontecer: Ou vamos morrer e ser enterrados sendo assim descartados como lixo comum ou vamos para a sepultura aguardar a reciclagem por ocasião da volta de Jesus. O que quero dizer é que o homem é lixo ou para destruição ou para a reciclagem no plano de Deus. Quem nos fabricou, Deus, sabe bem o que fazer conosco e é nele que vamos aguardar os resultados bons ou maus, porque Deus sabe das coisas.

Os comentários estão encerrados.