Meditação diária de 20/02/2019 por Flávio Reti – Cristovam Ricardo Cavalcanti Buarque
20/02/2019
Nota de Falecimento – Rafael Matumoto
21/02/2019

Meditação diária de 21/02/2019 por Flávio Reti – William Franklin Graham Jr

21 de fevereiro

Eclesiastes 12:8  “Vaidade de vaidades, diz o pregador, tudo é vaidade”

William Franklin Graham Jr

Por esse nome você nunca o reconheceria, mas pelo cognome pelo qual era conhecido, você de imediato o identifica: Billy Grahan. Um dos maiores pregadores evangelistas dos Estados Unidos. Na América, de quando em quando surge um grande pregador arrebanhando milhões. Guilherme Muller, nos dias da Irmã White, Martin Luther King, líder dos negros da igreja Batista, James Swaggart da igreja Assembleia de Deus e outros mais que enchiam estádios, praças, parques e grandes auditórios. Billy Grahan foi o que pregou para mais pessoas em toda história de grandes pregadores americanos e se identificava como presbiteriano. Em 2008 a audiência de Billy Grahan, incluindo Rádio e Televisão, superava 2.2 bilhões de pessoas, isto ao longo de suas pregações. Como tema central de seus sermões estava a frase “Jesus Cristo é o único caminho de salvação”. Com suas pregações o protestantismo americano se fortaleceu grandemente. Em 07 de Novembro de 2017 Billy Grahan completou 99 anos. Billy Grahan foi conselheiro de vários presidentes, desde Dwight Eisenhower, Rixard Nixon, Lyndon Johnson, Bill Clinton, George Bush, George Bush Filho, mas atualmente está acamado. Já não ouve e nem enxerga bem, embora continue lúcido. Como a mídia sempre tem palavras ferinas, pesa contra ele a acusação de que ele fazia tudo visando o ecumenismo, que era maçom de grau elevado e que na realidade fazia o trabalho do diabo, o que ninguém jamais provou. Ele vivia de seu evangelismo leigo, das ofertas dos seus ouvintes principalmente. Hoje seu filho tenta levar avante o trabalho de seu pai, fazendo campais com os jovens, mas parece que não tem tanta repercussão como tinha seu pai.

Na minha observação do que acontece com os grandes homens deste mundo, eu pensei o seguinte: Tudo na vida, seja uma árvore, um animal, uma empresa, uma indústria, as igrejas e o próprio homem, descreve um gráfico. Nasce, cresce, se mantém por um pouco de tempo e em seguida começa a morrer. O gráfico que começa no zero sobe, se mantém por um tempo e desce a zero novamente. Preste atenção, se a sua vida também não se encaixa em um gráfico. É a triste sorte dos viventes neste mundo mau. O que nos mantém e nos impulsiona para frente é a esperança que ainda temos na pessoa de Jesus Cristo que prometeu um dia voltar e nos levar para a eternidade quebrando o gráfico no qual eu teci meu comentário. Graças a Deus pelas promessas que nos fez, pela maneira como nos tem guiado e muito mais pela providência de um lugar para seus filhos no céu. Se tirar do homem a esperança, acabou o sentido da vida. Viver para que mais? Outra maneira de pensar é que se Deus nos deu essa oportunidade de vida, é porque ele tem algum objetivo mais elevado para cada um de nós. A vida altruísta não pode se resumir em nascer, crescer, se manter por um tempo e depois morrer como morrem as plantas, os animais, afinal, nós somos filhos e filhas de Deus que viemos ao mundo com um objetivo mais elevado, Deus não errou não, nós que ainda não nos encontramos cm o objetivo da vida.

Os comentários estão encerrados.