Feliz Semana
16/01/2021
Culto de Domingo
17/01/2021

Meditação diária de 17/01/2021 por Flávio Reti – Por que as pessoas confundem sapos, rãs e pererecas?

17 de janeiro

Efésios 5:6  “Ninguém vos engane com palavras vãs, porque por estas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência”

Por que as pessoas confundem sapos, rãs e pererecas?

 algo normal as pessoas de fora da área da biologia confundir esses três animaizinhos até certo ponto muito semelhantes e ao mesmo tempo muito diferentes entre si pela morfologia, pelo habitat e pelo comportamento. As únicas coisas que têm em comum é a aparência e o fato de todos serem anuros. Anuro quer dizer que não tem rabo, não tem cauda. E nem de longe pensar que rãs e pererecas são as fêmeas dos sapos, porque são outros animais dentro da família dos anuros. Saiba que existe sapo macho e sapo fêmea, assim como existe rã macho e rã fêmea e também perereca macho e perereca fêmea. Para um leigo diferenciar, assim a grosso modo, os sapos possuem a pele seca e enrugada, preferem viver em terra firme e só procuram locais com água quando vão se reproduzir. Os sapos só conseguem dar saltos curtos porque suas patas dianteiras são mais curtas que as traseiras. Os sapos possuem na lateral das costas glândulas de veneno que podem irritar os olhos e a pele. Quando um cão morde um sapo ele passa dias com a boca irritada com feridas parecendo queimadura. As rãs por sua vez têm os membros longos que facilitam os saltos e a natação podendo dar saltos de até 2 metros de altura e de comprimento. Possuem a pele lisa, preferem habitar nos lagos e lagoas e servem de alimento para algumas pessoas menos escrupulosas que chegam a dizer que lembra a carne de frango. Já as pererecas, que têm os olhos esbugalhados, a pele lisa como a rã, pernas também compridas para saltar longas distâncias, vivem em ambientes úmidos, nem na terra nem na água, mas apenas úmido. Gostam também de viver nos galhos das árvores porque elas possuem ventosas nos dedos que facilitam subir nas árvores e nas paredes. As pererecas costumam ser coloridas bem diferentes dos sapos e rãs que são sempre escuros. Falando em sapos, rãs e pererecas, as aparências enganam, assim como muitas outras coisas podem nos enganar. Mas em questão de céu, de vida eterna, de salvação não podemos nos deixar enganar. A vinda de Cristo está logo aí e o diabo, sabendo que pouco tempo lhe resta, fará tudo para enganar, se possível, até os escolhidos (Mat.24:24).

Os comentários estão encerrados.