Meditação diária de 15/10/2020 por Flávio Reti – Tear
15/10/2020
Comentários da Lição 03 (4º Trim/2020)
16/10/2020

Meditação diária de 16/10/2020 por Flávio Reti – Teclado Sintetizador

16 de outubro

III João 11  “Amados, não imiteis o mal, mas o bem; quem faz o bem é de Deus, mas quem faz o mal não tem visto a Deus”

Teclado Sintetizador

Instrumentos que usam teclado são antigos. Eram inicialmente engenhocas que ao pressionar uma tecla, esta martelava uma das cordas produzindo o som respectivo daquela corda. Cada tecla correspondia a uma corda de espessura e comprimento tal que produzisse um dos sons da escala de sete notas básicas. O ápice da invenção humana em termos de instrumento com teclado que empolgou o mundo foi o piano e é dele que se ouve falar sempre que citamos os grandes gênios da música clássica ou não, como Beethoven, Mozart, Bach. Ter um piano em casa era sinônimo de aristocracia, de riqueza, de intelectualismo. Mas com o decorrer do tempo o piano foi ficando mais comum e já podia ser encontrado em vários locais como teatros, salões de festas, galerias de arte, e nas casas de muitos da população mais interessada em músicas. Com o advento da tecnologia com o uso da eletricidade, surgem os chamados teclados sintetizadores que imitavam perfeitamente o piano, o órgão. O órgão que inicialmente era algo enorme, montado no local definitivo composto de teclado, um fole inicialmente e depois gerador de ar comprimido, e tubos, muitos tubos de tamanhos e bitolas diferentes, presos na parede, produzia um som belíssimo e gostoso de se ouvir, agora se resume num pequeno teclado tendo dentro um circuito eletrônico e um alto-falante que produz som competitivo do órgão e do piano também. Dizem os entendidos que o som sintetizado, imitativo do instrumento original, nunca é igual, ele se parece, mas quem entende sabe distinguir o original do eletrônico. Tanto o piano como o órgão sintetizador sofreu miniaturização e pode facilmente ser colocado em cima de uma cadeira para ser executado e com essa miniaturização diminuiu muito o custo, de modo que ter um teclado sintetizador em casa virou moda e qualquer um pode ter com pequeno custo. O primeiro sintetizador foi criado em 1957 pela Companhia RCA americana e era tão grande que mal cabia numa sala. Hoje você pode ir a qualquer loja de eletrônicos e comprar um sintetizador com preços irrisórios e ter nele além de sons das notas, imitação de qualquer instrumento de flauta a violino, de piano a trombone além de uma bateria com pratos, zabumba, triângulo e tudo mais. Eu vejo nisso o poder e a penetração da imitação. Tudo pode ser imitado em um sintetizador. Jesus advertiu que o próprio satanás pode aparecer travestido de anjo de luz. Se para os homens imitarem um instrumento musical nada obsta, quanto mais para satanás imitar gente que já morreu, imitar um anjo, e como ele é atrevido, pode perfeitamente imitar a Cristo. Logo, cuidado com satanás, ele é dissimulado e traiçoeiro.

Os comentários estão encerrados.