Sugestões de como participar dos 10 Dias de Oração
15/02/2019
Início das atividades dos Aventureiros de 2019
16/02/2019

Meditação diária de 16/02/2019 por Flávio Reti – Charles Robert Darwin

16 de fevereiro

Salmos 22:20  “Livra-me da espada e a minha vida do poder do leão”

Charles Robert Darwin

Essa data, em 1882, não teria importância alguma se não fosse a data em que Darwin passou pelas ilhas rochosas e pedregosas do arquipélago de Fernando de Noronha, as Ilhas de São Pedro e São Paulo, na costa brasileira e pertencentes ao Estado de Pernambuco, enquanto fazia sua viajem científica a bordo do navio HMS Beagle. Darwin foi um naturalista britânico que chegou à fama tentando convencer a comunidade científica de seu tempo a aceitar sua teoria da evolução tentando explicá-la através da seleção natural. Sua teoria culminou no que conhecemos hoje como a teoria da evolução defendida por muitos céticos para explicar a origem da vida no universo sem Deus. Darwin estudou medicina e depois teologia, mas em nenhuma conseguiu concluir. Única coisa que conseguiu fazer e que lhe deu fama foi escrever um livro (Origens das Espécies) lançado em 1859 onde ele introduzia a ideia de evolução a partir de um ancestral comum por meio de seleção natural. Posteriormente ele escreveu outros livros detalhando suas ideias. Mas pensando friamente, Darwin só prestou um grande desfavor aos planos de Deus. Hoje temos um mundo dividido entre a crença num Deus vivo que tudo criou e a crença de que tudo evoluiu de um acaso até onde vemos hoje. Dentro da sua teoria estava a explicação de que sobrevivem apenas os mais fortes que vão eliminando os mais fracos, é a seleção natural. Dessa lógica estúpida surgiu Hitler com a política de ter uma raça ariana pura na Alemanha e consequentemente eliminando todos os judeus considerados imundos e fracos. Campos de gás para exterminação de judeus em Auschiwitz foi produto do pensamento de Darwin. Tudo me convence de que os campos de gás de Auschiwitz, de Treblinka, de Maidanek não foram preparados em um dos ministérios do governo de Hitler, mas nas páginas do livro Origens das Espécies. Esse foi um dos negros legados que Darwin deixou nas páginas da história. A teoria de Darwin levou ao abandono da bíblia e à rejeição da existência de um Deus criador e isso vem criando efeitos desastrosos em milhões de pessoas no mundo todo. Não foi por acaso que Karl Marx, o pai do comunismo, retribuiu a Darwin com um exemplar de seu livro Das Kapital com as bases do comunismo. Na esteira do comunismo veio o ateísmo na Rússia, na Europa Oriental, no Camboja, na Coreia do Norte e em outras nações.

Nossas ações podem ter consequências eternas, os efeitos de nossos erros podem ir longe, para além de nossa compreensão. Por isso devemos cuidar de nossas ações, pedir sempre que Deus seja o guia de nossa vida, porque uma vida sem Deus é um desserviço à humanidade. No estudo das ciências, como geralmente é feito, há perigos igualmente grandes. A evolução e seus erros conexos são ensinados nas escolas de todas as categorias, desde o jardim da infância até às escolas superiores. Assim, o estudo da ciência, que deveria comunicar o conhecimento de Deus, acha-se tão misturado com as especulações e teorias humanas que propende para a incredulidade (Educação, Pag. 227). Saber viver esta vida com os olhos na eternidade exige muito cuidado, porque muitas são as teorias que podem desviar os incautos.

Os comentários estão encerrados.