DRIVE THRU – SOLIDÁRIO
12/03/2021
Proteja sua Família
13/03/2021

Meditação diária de 13/03/2021 por Flávio Reti – Como se forma a neve?

13 de março

Jó 24:2 e7  “Há os que … passam a noite nus, sem roupa, não tendo coberta para o frio”

Como se forma a neve?

Não sei bem o porquê, mas a neve fascina os turistas nos países onde não há neve. Os brasileiros gastam bom dinheiro indo ao Canadá, aos Estados Unidos só para ver a neve, saber como é a neve que aqui nunca viram. Dizem que nenhum dos cristais de gelo que formam a neve é um igual ao outro. Não deixa de ser uma curiosidade, mas entre nós humanos também, não há um sequer igual ao outro, nem mesmo os gêmeos univitelineos. Ao mesmo tempo que encanta turistas, a neve cria transtornos na vida dos habitantes nas áreas de clima frio, porque a neve nada mais é do que precipitação de cristais de gelo que vão se acumulando nas ruas impedindo a circulação dos meios de transporte, em cima das casas fazendo desabar o telhado com o peso e mantendo as pessoas dentro de casa como prisioneiros. Mas como se forma mesmo a neve? Os cristais de gelo no formato de neve são formados nas nuvens onde a temperatura interna fica entre -20º até -40º. A neve é tratada como um fenômeno meteorológico quase semelhante à formação da chuva. A diferença é que nesse caso a temperatura da nuvem é inferior a zero graus e o vapor d’agua não apenas se condensa e cai em forma de gotas, mas se condensa e se congela formando cristais de gelo que caem em forma de neve por ser muito finos. Neve, geada, granizo todos se resumem em gelo que nos sugere frio, frieza e nos remete ao coração humano, tão frio quando solicitado para acudir as dificuldades pelas quais algumas pessoas mesmo perto de nós passam. Nós nos isolamos, como aqueles que se abrigam da neve, nos enrolamos nas nossas desculpas, como os que se enrolam nos capotes especiais contra a nevasca, e nos tornamos insensíveis, duros de coração, gelados nos relacionamento. Seria este o comportamento mais adequado para apresentarmos diante das tantas necessidades que muitos passam ao redor deste mundo? Quando Jesus regressar, ele vai dizer “vinde benditos de meu pai” para os que se importaram com os pobres e vai dizer “apartai-vos de mim” para os que se alijaram dos pobres. A presença dos pobres entre nós tem um propósito divino, é exatamente para aprimorar nosso cristianismo, para despertar em nós a vontade de ajudar os que sofrem toda espécie de dificuldades, inclusive o frio da neve, da geada e das nevascas.

Os comentários estão encerrados.