Lembre-se: Eu Voltarei !
11/04/2020
PÁSCOA RECHEADA
12/04/2020

Meditação diária de 12/04/2020 por Flávio Reti – Cooler

12 de abril

Romanos 6:1-2  “Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que abunde a graça? De modo nenhum! Nós que já morremos para o pecado, como viveremos ainda nele?”

Cooler

Esta é mais uma das palavras importadas do inglês depois da época da computação e que significa simplesmente resfriador. Quase todo equipamento eletrônico aquece com o uso e necessita de um resfriador para prolongar a vida útil dos componentes e aí é que entra a tecnologia dos coolers. Um cooler não é uma peça única, mas um conjunto de um ventilador e de um dissipador de calor, em um modelo mais simples, para baratear o custo. Claro que existem outros mais sofisticados que movimentam água por dentro, outros que movimentam óleo, outros ainda que movimentam ar comprimido para refrigeração. Nos computadores, o microprocessador se aquece enormemente ao realizar milhões de cálculos e para funcionar só é possível com um cooler continuamente em cima dele refrigerando-o. Nos transformadores de energia elétrica, aqueles que vemos nos postes de eletrificação das ruas, o elemento refrigerador é um óleo próprio. Nas geladeiras, o gás refrigerador circula por uma serpentina metálica que dissipa o calor gerado, nos carros há um radiador de calor por onde circula água e é ventilado por um motor provido de uma hélice que força o ar sobre o radiador de calor. Os balcões dos supermercados, as câmaras frias dos açougues, todos são providos de um sistema de refrigeração e certamente por trás sempre existe um cooler de algum tipo. Aqui no Brasil, por razões desconhecidas, resolveu-se denominar de cooler umas caixas térmicas de tamanhos variados usadas para conservação em baixa temperatura, por algum tempo, de bebidas e outros alimentos sem usar a tecnologia dos eletrônicos e sem usar a tecnologia das geladeiras. São caixas fabricadas com polietileno e revestidas de poliuretano, providas de alças e até de rodízios para facilitar a movimentação. É o que resolve nos piqueniques e nas viagens curtas mantendo o suco e o lanche refrigerados por um bom tempo. Em todo e qualquer sistema de refrigeração, com cooler ou sem cooler, o objetivo é eliminar o calor gerado e baixar a temperatura. E se nós compararmos, com um pequeno esforço mental, o calor gerado nos equipamentos com o pecado gerado entre nós seres humanos? Que recurso poderíamos usar para eliminar o pecado como se elimina o calor das máquinas? Bastaria um ventilador e um dissipador para ventilar e dissipar o pecado? Claro que não, é apenas uma comparação, mas há meios também de se eliminar o pecado. O profeta Isaías afirma que “ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve, e ainda que sejam vermelhos como carmesim, eles se tornarão brancos como a lã” (Is.1:18). Mas como, qual é o processo? João Batista deu a resposta apontando Jesus “que tira o pecado do mundo” (João 1:29), então, podemos concluir sabendo que em Jesus há eliminação de pecados como um cooler elimina o calor.

Os comentários estão encerrados.