Meditação diária 02/07
02/07/2021
Meditação diária 04/07
04/07/2021

Meditação diária 03/07

Para que o homem precisa 

dormir todos os dias? 

João 11:25 “Eu sou a ressurreição e a vida, quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá” 

Não lhe parece um desperdício de tempo as pessoas dormirem todos os dias um terço ou mais das vinte e quatro horas que todos recebem igualmente e diariamente como dádiva de Deus? Algumas pessoas dormem menos de seis horas por dia e outras dormem mais de dez horas, afinal, quantas horas devemos dormir normalmente? Há um ditado popular que diz que “tudo que é demais faz mal” e parece ser verdade, se não, preste atenção: passar fome faz mal, comer demais também. Não trabalhar faz mal pra todos, família, filhos, sociedade, e trabalhar demais também. Falta de água mata de sede e água demais mata afogado. As pessoas devem dormir todos os dias para regulação do metabolismo, mas dormir menos ou demais é prejudicial. Nesses casos o equilíbrio deve ser buscado. Mas dormir é uma necessidade fisiológica básica que deve ser obedecida rigorosamente, porque um sono de qualidade é de suma importância para repor as energias gastas nos afazeres durante o dia e impor limitações ao sono acaba sendo prejudicial ao corpo físico e ao desempenho mental. Em média, todas as pessoas precisam de sete a oito horas de sono bem dormidas. E dormir não é luxo, é uma necessidade que devemos respeitar, aliás, até os animais dormem. Deixar de dormir adequadamente pode acarretar falta de concentração, irritabilidade e acidentes no trabalho e na direção de veículos, sem falar na propensão para enfartes, tromboses e cânceres. Um bom sono promove a reorganização e o rejuvenescimento do corpo e do cérebro. O nível produtivo do dia seguinte tem muito a ver com o sono durante a noite. Nossa bíblia compara a morte com um sono (João 11:11-14; Luc.8:52). E agora surge a pergunta: Será que todos nós devemos também dormir o sono da morte? Jesus ressuscitou várias pessoas: a Lázaro, seu amigo, em Betânia, o filho de uma viúva da cidade de Naim, a filha de um centurião de nome Jairo, mas a maior promessa de Jesus é de ressuscitar a todos os que crerem nele (João 11:25). A promessa de Jesus de uma ressurreição para os justos é a esperança mais aguardada para nossos parentes mortos e para nós mesmos. Morrer na fé e na certeza da ressurreição diminui o terror da morte e nos prepara para aceitar essa estupidez causada pelo pecado. Felizmente, Jesus tem a solução para o sono, não o sono físico, mas o sono da morte, isso, se nós formos contados entre os fiéis que o aguardam na sua vinda em glória.

Os comentários estão encerrados.