Comentários da Lição 4 (3ºTri/2015) por Wagner Teoro
24/07/2015
Comentários da Lição 5 (3ºTri/2015) por Wagner Teoro
31/07/2015

Meditação de Pôr do Sol de 31/07/2015 por João Luiz da Silva Leitão

SÁBADO, UMA BENÇÃO EM MINHA VIDA!

“E Jesus, vendo a multidão, subiu a um monte e assentando-se, aproximaram-se dele os seus
discípulos; E, abrindo a sua boca, os ensinava…” Mateus 5:1-2

Ao ler esta passagem, imagino uma multidão seguindo a Jesus. Quão maravilhoso devia ter sido acompanha-Lo, presenciar os Seus milagres e ouvir as Suas mensagens! Não tivemos esse privilégio, mas felizmente, ainda podemos participar de uma comunidade que busca estes ensinamentos através da Sua Palavra e que dentre tantas preciosidades, nos orienta sobre as bênçãos do sábado.

Como eu nasci em um lar adventista, o sábado sempre foi um dia muito especial em que passamos mais tempo em comunhão com Deus, com a família e deixamos de lado os afazeres diários. Acredito que muitos compartilham deste mesmo sentimento ao final de uma semana cheia de atividades, preocupações e interesses próprios. Não é uma benção, poder parar e focar em nossa vida com Deus e sermos gratos por este dia de descanso?

Durante a minha infância, meus pais eram missionários e eu tive o privilegio de crescer no continente africano e de acompanhá-los nos cultos de sábado. Era sempre um motivo de muita alegria quando viajávamos para as “igrejas” distantes do interior. Elas eram muito simples, e na maioria das vezes, os cultos eram feitos ao ar livre, e até hoje me lembro da quantidade de pessoas ali sentadas no chão ou esteiras por horas e horas louvando a Deus. Os sermões eram longos devido à necessidade de tradução para as línguas e dialetos locais, e o horário sempre se estendia até o final da tarde. Muitas vezes, mesmo em meio ao calor intenso, chuva, longas horas e demais desconfortos, eles ficavam até o final, atentos, pois realmente amavam estar ali. Que benção poder vivenciar estes momentos e poder sentir a presença de Deus!

Sei que não é fácil guardar o sábado nos dias de hoje. O tempo vem se tornando cada vez mais enxuto. Tornamos-nos uma “máquina de produção” de trabalho e afazeres, e assim, o sábado vem perdendo o seu real valor. É a arma que o inimigo tem utilizado, nos ocupando com as coisas do mundo, impondo empecilhos em nossas vidas. Como muitos, eu passei e passo por momentos de provações, problemas aparentemente sem solução na escola e no trabalho, com professores e chefes menos compreensivos quanto ao sábado, mas pude me manter fiel pela graça de Deus. Posso perceber o Seu auxilio e Suas mãos atuando na minha vida. Quando surge o desanimo, logo vem à minha mente a dedicação, reverencia e louvor sincero dos nossos irmãos e amigos africanos que apesar da simplicidade, têm uma fé imensa. Não podemos nunca desanimar, pois nossos problemas e angustias são pequenos quando elevados a Deus!

Hoje agradeço a Ele pela benção da liberdade em poder ainda guardar o sábado. Sei que será por tempo limitado aqui nesta Terra. Sendo assim, precisamos aproveitar este momento para fortificarmos nossa fé, para que no tempo de angústia, estejamos firmes e fortes, rumo à eternidade. Minha oração é que Deus nos ilumine e nos ajude a manter a fé que precisamos para dar o testemunho a todas as nações e assim vê-lo voltar em grande glória!

João Luiz da Silva Leitão
Frequenta a comunidade jovem do IASP a 11 anos. Participa de diversas atividades da igreja:
serviços comunitários, grupos de estudos, retiros, passeios entre amigos e em 2012 participou
da missão missionária na África. É muito feliz por conhecer e participar desta comunidade.

Os comentários estão encerrados.