Comentários da Lição 8 (3º Trim/2016) por Filipe Lima
18/08/2016
Meditação de Pôr do Sol de 26/08/2016 por Maria Amélia Gonçalves Fellao
24/08/2016

Meditação de Pôr do Sol de 19/08/2016 por Marcos Carlos Silva

O ACIDENTE
 
Que adianta o homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua salvação? Mateus 16:26
 
Na zona rural de Itaobim, MG, reside uma senhora cujo nome é Cleusa, criada nos princípios cristãos e reconhecida como uma pessoa fervorosa. Mesmo atuante em sua comunidade religiosa, ela muitas vezes sentia um vazio dentro de si e questionava algumas práticas de sua igreja que não entendia.
 
Com o tempo, Cleusa passou a nutrir muitas dúvidas em relação a assuntos religiosos. Certo dia, porém, ela conheceu um membro da Igreja Adventista que lhe apresentou a mensagem bíblica. Apesar das novas descobertas, Cleusa tinha receio de seguir o que havia aprendido. Todavia, Deus, que não desiste de Seus filhos, de várias formas falava ao seu coração para que ela seguisse o caminho da Bíblia; porém, ela resistia à voz do Espírito Santo.
 
Sua família, a princípio, não estava de acordo com o que ela havia aprendido com os adventistas, por isso, ela relutava e não tomava uma decisão. No entanto, uma circunstância difícil fez com que ela repensasse sua vida espiritual.
 
A família estava pronta para ir a uma festa de casamento. Seus três filhos estavam montados em um cavalo quando o inesperado aconteceu: o filho mais novo caiu de cima do animal e machucou o braço. A queda provocou uma grave fratura exposta. Em meio ao desespero, todos correram para o hospital. Quando o médico avaliou o caso, disse que o garoto corria o risco de ter seu braço amputado.
 
Cleusa se desesperou, orou a Deus e intercedeu por seu filhinho de apenas dois anos de idade. Naquela ocasião, ela fez um pacto com Deus:
 
– Senhor, conheço a Tua mensagem e sei que tenho fugido dela. Por favor, tem misericórdia, salva o braço de meu filho! Prometo seguir-Te até o fim, pois sei que Tu me amas.
Deus atendeu aquela oração. Hoje seu filho, já adulto, tem seus dois braços e pode com ela e seus familiares louvar o nome do Senhor.
 
Deus quer nos salvar, para isso, basta confiarmos em Seu amor e seguir Seus ensinamentos. Quem toma essa decisão pode perder o mundo inteiro, mas ganhará a eternidade do lado Daquele que nos ama incondicionalmente.
 
Marcos Carlos Silva
Membro da igreja do IASP

Os comentários estão encerrados.