Comentários da Lição 10 (4o Trim/2019) por Classe dos Pais
06/12/2019
Meditação diária de 07/12/2019 por Flávio Reti – Ferdinand Emmanuel Edralin  Marcos
07/12/2019

Meditação de Pôr do Sol 06/12/2019 por Rosa Maria Silva

2019-12-06

Pontualidade Suíça

 “Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito para que te guardem em todos os Teus caminhos. Eles te sustentarão em suas mãos para não tropeçares nalguma pedra”. Salmo 91-11,12

Eu saía às 9:55 do trabalho, pegava um metrô que levava três minutos até ao ponto onde eu deveria pegar uma condução que me deixava na chamada campanha, condomínios que ficavam fora da cidade, 35 a 40 minutos de distância. Em uma manhã de terça-feira, perdi o ônibus por um minuto. Minha opção era esperar por uma hora pelo próximo ônibus, mas eu tinha que preparar o almoço, buscar as crianças na escola e levá-las de volta. Manter a pontualidade era minha prerrogativa. Decidi fazer o caminho inverso, com outra condução e, em seguida, tomar um veículo que circulava pela campanha, também a cada hora. Era um risco, mas eu deveria tentar. Desci do ônibus, fui direto à cabine fixa pegar informações e para minha surpresa, o ônibus alternativo que cogitei tomar havia partido há quinze minutos. Chorei e, sem opção, decidi caminhar.

Fazia muito frio, estrada deserta. De repente, um ônibus parou ao meu lado e escutei o motorista dizer: ‘Madame, Madame… Era o ônibus que eu deveria ter pegado. Entrei sem hesitar. Falei sobre minhas dificuldades naquele momento e, para minha surpresa, ele desviou de sua rota costumeira, que não é hábito no transporte público daquela região. Chegando ao meu destino, agradeci pela gentileza. Sabia que havia algo muito estranho, era muito diferente, eu queria pensar que era um anjo, mas, curiosa, mais tarde liguei para a empresa para tirar minha dúvida. Questionei sobre aquele horário, mas a pessoa insistiu que não existia linha naquele horário, a condução que eu peguei com certeza não era da empresa. Não tive dúvida de que, naquele momento, Deus já havia preparado tudo para mim.

Senti que ao longo dos anos que passei por aquele país, a Suíça, Deus conduziu cada passo meu. Muitas surpresas foram ruins, mas me fizeram crescer, e muitas foram boas, para poder agradecer o poder de Deus. Nada acontece por acaso.

 

Rosa Maria Silva

Professora do UNASP-HT e membro da igreja do UNASP-HT desde 1990.

 

Os comentários estão encerrados.