Meditação diária de 26/05/2018 por Flávio Reti
26/05/2018
Meditação diária de 28/05/2018 por Flávio Reti
28/05/2018

Meditação diária de 27/05/2018 por Flávio Reti

O Uapiti (Cervus canadenses)

O Uapiti é um animal da família do alce encontrado especificamente no Canadá. O nome uapiti significa “garupa branca” e é derivado de uma língua indígena nativa da América do Norte, Shawnee. Ele está incluído na família dos cervos. Ele é o segundo maior cervídeo existente e só perde mesmo para o alce. Se não fosse pela mancha branca e amarelada no traseiro, poder-se-ia dizer que era um cervo menor, mas ele é de outra espécie. Ele temtambém uma pelagem grossa e longa no pescoço, que os demais cervídeos não têm. Ele gosta de viver nos bosques e nas montanhas e se agrupam em manadas do mesmo sexo. Chega a pesar 500 quilos e a medir 1.5 metros até a altura do ombro dele. Só os machos possuem aquela galhada em lugar de chifres e a trocam a cada ano. É comum as pessoas recolher os galhos deixados por um uapiti e exibir na parede da casa como enfeite ou para se passar por grande caçador de cervos. A curiosidade vem daquela mancha branca amarelada que eles têm na anca. Essa mancha os distingue dos demais cervídeos que também habitam as regiões geladas do Canadá.

Nossa bíblia é clara ao dizer que os servos de Deus serão marcados na sua testa e nas suas mãos com uma marca distintiva específica para os servos de Deus, porque os ímpios também serão marcados com a marca da besta. Os escravos eram marcados nas suas nádegas e alguns no rosto com ferro quente em brasa para não fugirem e para deixar clara a propriedade de quem era, daí é que vem a expressão “ser ferrado ou estar ferrado” na língua portuguesa. Jesus levará para toda a eternidade as marcas que ele recebeu nas mãos, nos pés e no seu lado quando esteve na cruz. Nós, seres humanos, levamos na cara as marcas do sofrimento aqui nesta terra. O Sábado é uma marca distintiva dos que obedecem aos mandamentos de Deus ao passo que a guarda do domingo distingue os que não obedecem os mandamentos. Está tudo escrito lá na sua bíblia, basta estudar um pouquinho. Mas, como disse o profeta Oseias, “o meu povo perece por falta de conhecimento” (Oseias 4:6). Nossas marcas nos identificam e quem dera fôssemos identificados com Cristo e tivéssemos as marcas que ele tem nas mãos e nos pés no nosso coração, só assim daríamos valor ao seu sacrifício em nosso favor.

Os comentários estão encerrados.