Curso de Primeiro Socorros – 27/05/18
23/05/2018
Meditação diária de 25/05/2018 por Flávio Reti
25/05/2018

Meditação diária de 24/05/2018 por Flávio Reti

O Tigre (Panthera tigres)

Isaías 4:2 “Naquele dia o renovo do Senhor será cheio de beleza e de glória, e o fruto da terra, excelente e formoso para os que escaparem de Israel”

O tigre é um belo animal, chama a atenção pelo seu porte imponente, fascina os visitantes do zoo pelas cores mescladas de laranja, branca e preta, além da elegância do andar e a majestosidade felina. A gente fica observando com uma mistura de admiração, de medo e ao mesmo tempo de respeito porque, afinal, ele é um predador de 3 metros de comprimento. É comum encontrá-lo nos brasões e nos símbolos das nações ao redor do mundo. A coragem e a força atribuída ao tigre não é de se desprezar, porque ele consegue pular uma cerca, um muro, com sua vítima entre os dentes pesando até metade do seu próprio corpo. O tigre consegue saltar 9 metros de distância numa altura de 5 metros, mas eles têm medo do ser humano, talvez pelo tanto que foram e são caçados por causa da sua pele. Eles são bons nadadores, chegam a percorrer 5 quilômetros nadando. As listras dos tigres nunca são iguais a outro tigre, assim como as impressões digitais são únicas em cada indivíduo. Não existe apenas uma espécie de tigre, mas várias: Tigre de bengala, tigre do Cáspio, Tigre de Java, Tigre da China, Tigre da Sibéria e o Tigre de Sumatra.Nenhum deles do Brasil, porque ele não existe por aqui, só nos zoológicos e nos circos.

A lição que eu tiro dos tigres vem da elegância deles. Ele é demais admirado a ponto de copiarem sua imagem para fazer até brasões para os uniformes de gente importante, nas bandeiras de países. Por comparação, eu penso na pessoa de Jesus, que segundo o profeta Isaías, não tinha aparência e nada para que o desejássemos (Is.53:2). Assim como num livro, a cada vez que se lê se faz uma interpretação diferente, assim foi com Jesus. Cada um que olhava para ele tirava uma conclusão diferente, mas sempre pelo lado negativo, ignorantes de que ele era o unigênito filho de Deus. Os fariseus viam nele um impostor, os sacerdotes um blasfemo, as autoridades romanas um sedutor de multidões, os discípulos viam alguém que remiria Israel, João viu nele o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, Pedro viu nele o Cristo filho do Deus vivo. A pergunta agora é para você: O que você vê em Jesus Cristo, o filho de Deus, que veio morrer pelos seus pecados e que virá outra vez para salvá-lo de seus pecados?

Os comentários estão encerrados.