Semana de Oração “Transformados” 07 a 15/09/18
16/08/2018
Apresentação musical com Rafaela Pinho
17/08/2018

Meditação diária de 17/08/2018 por Flávio Reti

17 de agosto

O Pássaro Tecelão (Cacicus chrysopterus)

Eclesiastes 10:18   “Pela preguiça se enfraquece o teto e pela frouxidão das mãos a casa tem goteiras”

O pássaro tecelão recebe esse nome porque realmente tece seu ninho. Ele sabe amarrar filetes de plantas como folhas de palmeira em um galho e vai tecendo e pendurando até formar um ninho realmente pendurado no galho. E ele faz mais, faz uma abertura para servir de porta de entrada exatamente do lado contrário de onde frequentemente vêm as chuvas. Alguns preferem chamá-lo de melro, ou de chapim dourado, mas é o mesmo tecelão. Eles têm uma extraordinária capacidade de literalmente costurar seus ninhos com o bico, como se fosse uma agulha usando diferentes materiais vegetais, uma habilidade muito incrível. Enquanto os vagabundos chupins não fazem ninho porque preferem botar ovos no ninho de outras aves, esses pássaros tecelões dão uma aula de engenharia. As aves tecelãs vivem em colônias e é muito comum elas construírem seus ninhos juntos e conviverem em perfeita harmonia. A habilidade dos tecelões vai muito além da construção de seus ninho, porque eles nos dão também uma bela lição de higiene. Todo cocozinho produzido pelos filhotes é religiosamente tirado e jogado fora, assim mantendo o ninho sempre limpo. Diferente de muitas casas que a gente vê e parece que passou um terremoto por dentro, além do mau gosto da construção. Sujeira pra todo lado, parecendo mais um estábulo do que um lar.

Eu sou obrigado a aprender com o pássaro tecelão essa disposição de fabricar seu ninho de maneira muito habilidosa. Deus nos deu muitas habilidades que muitos de nós jamais usamos, simplesmente, por preguiça. Lembra do chupim que põe seus ovos nos ninhos de outras aves e nunca se dão o trabalho de construir um ninho, por simples que seja? As pombas são outras aves preguiçosas, porque elas mal ajuntam alguns gravetos e já vão pondo os ovos sem qualquer conforto. A preguiça não é uma boa coisa. Ela nos tira o direito de progredir, de viver confortavelmente e finalmente, o direito de ser feliz.

É muito significativo o fato do criador de todos os seres e de todos os mundos, o Deus que dá a cada criatura um lar, nunca possuiu um lar enquanto esteve estre os homens. Eu penso que Jesus bem que gostaria de ter um lar próprio, o que ele nunca teve. Mas hoje ele quer morar no nosso coração e além disso está construindo no céu uma mansão para cada um de seus filhos onde habitaremos sempre com ele, frise isso: em harmonia e paz.

Os comentários estão encerrados.