Comentários da Lição 5 (1o Trim/2018) por Pr Sérgio Monteiro e amigos
02/02/2018
Meditação diária de 04/02/2018 por Flávio Reti
04/02/2018

Meditação diária de 03/02/2018 por Flávio Reti

03 DE FEVEREIRO

A cobra ( Bothrops alternatus)

Provérbios 23:32 “No seu fim (o álcool) morderá como a cobra e como o basilisco picará”

 

Cobra não é novidade para ninguém, por ser um animal comum que se encontra em qualquer lugar, até mesmo nas cidades. As crianças até gostam de brincar de cobra-cega. Eu guardo comigo, em casa, alguns guizos de cascavéis para mostrar para minhas netas e para alguma ilustração. Quando era jovem, eu gostava muito de caçadas e sempre me deparava com cobras pelo meio do mato, mas a primeira reação minha era atirar nelas e matar impiedosamente só pelo fato de ser uma cobra. Eu não conferia se era venenosa ou não, ela morria com um tiro certeiro porque era uma cobra. Hoje não faço mais isso, graças a Deus. Normalmente, só falar em cobra já causa arrepios em muitas pessoas, porque assumem que as cobras são todas venenosas e se morderem, esse alguém vai morrer se contorcendo de dores incríveis. É verdade em parte, mas não é totalmente verdade, porque existem as cobras não venenosas. Os entendidos em cobras dão algumas dicas para se saber diferenciar cobra venenosa da não venenosa. Mas existe na América do Norte uma cobrinha, não mais que 1.2 metros, chamada cobra nariz-de-porco que jamais atacou alguém quando foi capturada. Ela só vai morder alguém se esse alguém estiver carregando um punhado de sapinhos e ela ao sentir o cheiro dos sapinhas confundir seu dedo com um deles. Mas normalmente ela não morde, nem mesmo se for provocada. As pessoas a usam como pet para ter em casa. O que ela sabe fazer muito bem é simular ser uma cobra perigosa ao se estufar, assobiar, rolar, esconder a cabeça debaixo do corpo e levantar a cauda dando a impressão de uma enorme cobra venenosa, ou fingir-se de morta para escapar de ser morta de fato.

Algumas vezes, satanás faz de tudo para você acreditar que ele é inofensivo e ele sabe simular de tal forma que leva você a pensar que ele não é tudo isso que falam dele. Ele mentiu para Eva quando falou por meio de uma cobra, uma serpente inofensiva, no Jardim do Éden. Ainda hoje as pessoas espertas são chamada de “cobras” pela habilidade que desenvolvem, assim como satanás foi habilidoso ao enganar Eva. Nós cristãos nunca deveríamos ser afetados pelas disfarçadas simulações de seus enganos. Lembre-se que simular ser o que não é não passa de uma mentira e o mentiroso não herdará o reino dos céus (Apocalipse 22:15). Muito cuidado!

Os comentários estão encerrados.