Meditação diária de 01/02/2018 por Flávio Reti
01/02/2018
Comentários da Lição 5 (1o Trim/2018) por Pr Sérgio Monteiro e amigos
02/02/2018

Meditação diária de 02/02/2018 por Flávio Reti

02 DE FEVEREIRO

O Cisne (Cygnus olor)

Isaías 1:18 “Vinde, pois, arrazoemos, diz o Senhor. Ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve. Ainda que sejam vermelhos como o carmesim, eles se tornarão brancos como a lã”

 

Antes de escrever esse devocional, eu fui ao YouTube e assisti à peça de ballet Lago dos Cisnes pela Companhia Brasileira de Ballet. Enquanto assistia, me veio à mente a canção dos marinheiros, música que identifica a Marinha Brasileira, Cisne Branco. Mas cisne nem sempre é branco e daí me lembrei que Cisne Branco cantado pelos marinheiros não é o nome da música, é o nome de um navio veleiro da Marinha Brasileira usado em funções diplomáticas e relações públicas. A música é uma homenagem ao barco de nome cisne branco. A missão do “cisne branco”, o navio veleiro, é representar o Brasil nos eventos náuticos nacionais e internacionais, promover a ideologia da nossa sociedade civil e preservar nossas tradições navais, além de servir como navio-escola. Pelo fato de ser um navio veleiro, recoberto de lonas brancas, as velas, ele inspirou a aparência de um cisne com as asas abertas e daí foi fácil batizá-lo de cisne branco.

Quem já teve a oportunidade de ficar observando a elegância e a leveza com que o cisne desliza sobre as águas de um lago, fica deslumbrado com tamanha beleza. Ao sair da água, ele simplesmente dá uma chacoalhada nas penas e está tão normal como antes de entrar na água. O destaque fica para a brancura de suas penas que parecem sempre lavadas e nunca se sujam, incrível.

A lição para nós está no simbolismo que a bíblia dá para o branco em relação ao vermelho. O profeta Isaías traz as palavras escarlata e carmesim para reforçar o contraste com o branco. Escarlate é a cor vermelho vivo usada nos tecidos que eram produzidos em Tiatira, cidade na Ásia Menor, nos dias dos apóstolos. Carmesim é palavra sinônima de escarlate, com o mesmo significado, de cor vermelho vivo. Branco sempre foi símbolo de pureza, talvez por isso as noivas se esmeram nos vestidos brancos para o dia do casamento. Dentro das religiões, vermelho é símbolo de pecados sendo lavados pelo sangue de Cristo e branco a purificação efetuada por Cristo, a pureza e a limpeza da alma. Se você esquecer tudo que você leu hoje, neste devocional, lembre-se apenas do verso acima que é uma promessa de Deus.

Os comentários estão encerrados.