Meditação de Pôr do Sol 27/12/2019 por  Brenda Pimenta
27/12/2019
Meditação diária de 29/12/2019 por Flávio Reti – Jozef de Veuster
29/12/2019

Meditação diária de 28/12/2019 por Flávio Reti – Juan Ponce de León

28 de dezembro

Salmos 87:7  “Todas as minhas fontes estão em ti”

Juan Ponce de León

Era ele um conquistador espanhol que veio a ser o primeiro governador de Porto Rico e considerado o primeiro europeu a visitar a Flórida, a península sul dos Estados Unidos, e lhe deu esse nome porque viu por lá abundância de flores. Mas como se explica ele ter saído de Cuba e chegar na Flórida? É que um dia passou por ele um forasteiro e disse em tom de entusiasmo: “Achamos a fonte da eterna juventude. Pessoas idosas que bebem daquela água ficam jovens e jovens que bebem nunca envelhecem. Ponce de León, como governador de Porto Rico, se interessou pela conversa e perguntou: “Mas onde fica essa tal fonte?” “Fica na Bahia de Bimini, disseram, mas eu não sei onde fica Bimini”, respondeu o forasteiro. Então, como ninguém sabia explicar onde ficava a tal fonte, Ponce de León preparou um navio e partiu por conta própria à procura. Assim, ele chegou à costa da Flórida e ali aportou tomando conta da terra em nome do rei da Espanha. Desembarcou e saiu em busca da propalada fonte, mas depois de caminhar centenas de quilômetros pela costa leste, bebeu de várias fontes que encontrou pelo caminho, julgando que uma delas deveria ser a água da tal fonte da eterna juventude. Ao final, depois de beber muita água, tudo resultou em um grande desapontamento, porque nada aconteceu com ele e nem com seus camaradas. Eu quase aposto que você também gostaria de beber dessa fonte! Que maravilhoso seria beber dessa fonte e nunca mais ter os cabelos brancos, nunca mais precisar de óculos, nunca mais ir ao dentista fazer dentadura, nunca mais ter a pele toda enrugada, que alegria! Impossível, você e muitos outros vão dizer, isso não existe. Fonte de eterna juventude não passa de uma lenda, de conversa pra boi dormir.

Errado! Há uma fonte doadora de vida que Ponce de León não conhecia, não achou, nunca descobriu, porque foi procurar no lugar errado. Jesus falou dessa fonte ao conversar com a mulher samaritana, quando explicou a ela: “Aquele, porém, que beber da água que eu lhe der, nunca mais terá sede, para sempre” (João 4:14). A eterna juventude foi prometida, dentro da vida eterna, bastando que você busque no lugar certo, na pessoa de Jesus. Ela lhe será franqueada assim que você buscar a Jesus e pedir a ele a água da vida capaz de dar também a eterna juventude. Se você se decidir a buscar agora essa água, uma vez que você, diferente de Ponce de León, já sabe onde encontrar, pode estar convicto de que no dia em que Jesus voltar ele o levará para um lugar onde você jamais envelhecerá, onde jamais experimentará a dor, onde não haverá doenças, os dentes não cairão, a pele não vai se enrugar mais. Será uma terra de juventude eterna e com a juventude a alegria e a felicidade eternas. Agora você já sabe onde encontrar a água da eterna juventude, pena que não dá mais para avisar Ponce de León. O conquistador mal sucedido, Ponce de León, fez uma segunda visita ao local e lá foi atacado pelos índios sendo mortalmente ferido por uma flecha envenenada morrendo em seguida e lá se foi também o sonho da eterna juventude.

Os comentários estão encerrados.