Meditação diária de 25/01/2020 por Flávio Reti – O Arco (abóbada)
25/01/2020
Meditação diária de 27/01/2020 por Flávio Reti – Aspirador de pó
27/01/2020

Meditação diária de 26/01/2020 por Flávio Reti – Armas de Fogo

26 de janeiro

Mateus 24:13  “Mas quem perseverar até o fim, será salvo”

Armas de Fogo

Qualquer objeto pode se transformar numa arma, depende de como o usamos para atacar ou para nos defender. A palavra arma é muito ampla, inclui desde paus e pedras, fundas, lanças, arco e flecha, e vai evoluindo para catapultas, canhões, metralhadoras, torpedos, mísseis e tudo isso sem falar na classificação da arma em si: Arma branca, arma de fogo, arma de efeito moral, arma química, arma biológica, mas neste devocional nos propusemos a falar sobre a arma de fogo.  Depois que os chineses inventaram a pólvora é que começam a surgir no mundo as armas de fogo, como revólveres, pistolas, espingardas, metralhadoras e todas com a má intenção de matar o adversário. Há países em que o porte e o uso da arma de fogo é sancionado por lei e há alguns, especialmente os socialistas, em que o governo recolhe as armas da população para melhor dominar e evitar movimentos de revolta popular com risco de abalar o governo socialista. Nesses países o porte de arma é proibido e muito mais o seu uso. Manter a população desarmada faz parte dos interesses socialistas, é mais fácil dominar assim. Eu quero crer que durante muito tempo no mundo o homem viveu com suas armas naturais, unhas e dentes, como qualquer outro animal. Mas como a engenhosidade humana não respeita limites, veio o uso do pau e da pedra para se defender incialmente dos animais predadores, para caça de animais para alimentação e para defender suas posses também. Assim as armas foram evoluindo para se tornarem em facas, punhais e espadas com o conhecimento da produção de metal, mas se pudessem atacar de longe facilitaria o combate, assim surgiu o arco e a flecha, o bumerangue, a funda. Mas a revolução das armas vai acontecer mesmo depois da invenção da pólvora na Idade Média. O canhões podiam agora, de longe, destruir um castelo, uma fortaleza, uma embarcação. Para facilitar o transporte, inventaram, depois do canhão, os mosquetes, os arcabuzes. Hoje as armas são sofisticadas e complexas, com potência que não sabemos imaginar e das quais nem fazemos ideia como é o caso da bomba atômica, da bomba de Hidrogênio, bombas nucleares. Armas de fogo, que eu queria descrever é coisa do passado, hoje se fala em mísseis, em energia nuclear, em armas químicas e biológicas, sem precedente na história. A indústria armamentista hoje é um assunto global que envolve interesses financeiros e políticos. 3% do PIB mundial hoje é gasto com a fabricação de armas para defesa de países e para ameaça aos demais países. Alguém disse que os Estados Unidos e a Rússia têm juntos armas capazes de destruir a terra várias vezes, aniquilando toda sorte de vida no planeta. Bem disse Jesus que nas proximidades da sua volta haveria guerras e rumores de guerra. E o que estamos vendo? Você vai ser obrigado a dizer: A bíblia tem razão!

Os comentários estão encerrados.