Meditação diária de 10/03/2017 por Flávio Reti
10/03/2017
Comentários da Lição 11 (1o Trim/2017) por Ligado na Videira
11/03/2017

Meditação diária de 11/03/2017 por Flávio Reti

Dia Internacional das Vítimas de Terrorismo

“e os homens desfalecerão de terror e pela expectação das coisas que sobrevirão ao mundo, porquanto os poderes do céu serão abalados”  Lucas 21:26

Faz quase 50 anos que se implantou no mundo um sistema de represália chamado terrorismo.

Cidadãos comuns, não envolvidos com situações que provocam destruição, sofrimento, são as maiores vítimas desse sistema instalado. Eles são alvos de bombas, de emboscadas, de ataques com armas químicas entre outros.

Iraque, Paquistão e Índia são os maiores exemplos de países terroristas, mas outros também são mencionados em menor escala.

A partir da guerra do Golfo até ao ataque às torres gêmeas, nos Estados Unidos, o mundo vinha testemunhando uma diminuição de ataques terroristas, mas a partir da invasão do Iraque pelas forças lideradas pelos americanos, as investidas terroristas recrudesceram no mundo todo. Existe um programa de computador que registra todos os incidentes de terrorismo no mundo com o nome de Global Terrorism Database (GTD) e ele mostra que o número de ataques terroristas no ano de 2015 foi o dobro do ano de 2004

O terrorismo, por definição, é todo ato praticado para ameaçar ou para atingir um objetivo às vezes político, outras econômico, religioso ou social sempre impondo medo, coerção. É fácil identificar grupos terroristas em quase todos os países. Al-Qaeda, Boko Haran, Ira, Al Shabab, Talibã, Hesbollah, Farc, Hamas, Estado Islâmico, Isis e no Brasil o PCC são todos nomes de Grupos terroristas conhecidos da imprensa mundial, mas há outros grupos menores. Esses grupos movimentam milhões de dólares provenientes de sequestros, saques, roubo a bancos, extorsões, tráfico de drogas.

Falando da proteção de Deus, comparando-a com uma sombra que protege proveniente de Deus, nosso refúgio, o salmista afirma categoricamente que ele, o Senhor, o livrará dos laços e que assim não temeremos o terror dessa noite escura que estamos passando na terra (Sal.91:5).

Por acaso você tem medo desses grupos terroristas que assolam ao meio dia, isto é, em plena luz do dia? Fique tranquilo, porque “mil cairão ao teu lado e dez mil a tua direita, mas tu não serás atingido” (V.7). Essa é a promessa, falta agora nossa confiança. Exercer fé é um exercício que aprendemos com o desenvolvimento da vida cristã, com a vivência na confiança, na dependência de um Deus que tudo nos promete. “Somos demasiado sem fé. Oh! como desejaria poder levar nosso povo a ter fé em Deus! Eles não necessitam achar que, para exercer fé, precisam agitar-se a elevado estado de agitação. Tudo quanto têm a fazer é crer na Palavra de Deus, da mesma maneira que acreditam na palavra uns dos outros. Ele o disse, e cumprirá Sua Palavra. Confiai tranquilamente em Sua promessa, pois Ele leva a sério tudo quanto diz” (Mensagens Escolhidas, vol.1, p.83).

É a vontade de Deus que saibamos o que tem dito para nós. Devemos, porém, exercer fé. Ao examinarmos as Escrituras, devemos crer que Deus existe, e é galardoador dos que O buscam diligentemente.

Eu creio, eu confio, eu não temo o terrorismo avassalante que há no mundo, porque aquele que prometeu é fiel. E por mais incrível que pareça, um dia ainda se dirá “Eis que este é o nosso Deus, por ele temos esperado para que nos salve. Este é o Senhor, por ele temos esperado, na sua salvação gozaremos e nos alegraremos” (Is.25:9). Esqueça o terror que assola, alegre-se porque a salvação está a caminho e está bem perto. Terror está reservado para os infiéis que desprezam hoje a oferta de perdão gratuitamente e se prendem numa vida de pecados sórdidos como se vê nesse mundão aterrorizante. Perguntado ao pastor Luis Valdiwogel se o mundo está maduro para a vinda de Cristo, ele respondeu: “Maduro não, está podre” por essa e por outras é que acreditamos que Cristo em breve virá e não tardará. Um dia, não muito distante, o terrorismo deixará de existir, será passado.

Os comentários estão encerrados.