Meditação diária de 02/01/2017 por Flávio Reti
02/01/2017
Meditação diária de 04/01/2017 por Flávio Reti
04/01/2017

Meditação diária de 03/01/2017 por Flávio Reti

3

Dia do Nascimento de Michael Schulmacher

“Andarão errantes de mar a mar, do norte até o oriente, correrão por toda parte buscando a palavra do Senhor e não a acharão” Amós 8:12

No dia 3 de janeiro de 1969, na cidade de Hürth, na Alemanha, nasceu o jovem Michael Schulmacher. Como toda criança normal ele cresceu, até a altura de 1,74 metros e se tornou o conhecido piloto de fórmula 1 que o mundo inteiro aplaudiu, mais que Airton Senna, a ponto do site oficial da Fórmula 1 falar dele como o maior piloto de todos os tempos.

Em dezembro de 2013, passando férias numa estância de esqui, nos Alpes Franceses, o piloto sofreu um acidente, não de carro como era de se esperar, mas um tombo enquanto esquiava que resultou em graves lesões cerebrais que o mantiveram em coma durantes meses. Numa entrevista no site americano NEWSEVERYDAY sua assessoria de imprensa disse, sem revelar detalhes, que sua situação era muito difícil e complicada. Atualmente Schulmacher continua com um programa de recuperação em sua própria casa, em Gland, na Suíça, assistido por uma equipe médica e por fisioterapeutas, mas sem previsão de cura total. Agora pare e pense um pouco: Seu prazer estava em correr nos velozes carros de fórmula 1 e dar espetáculos ao mundo, mas era uma corrida inglória, porque depois de algumas horas, passada a euforia do momento, todos os admiradores e fãs voltavam para suas casas e só restava o comentário da corrida nos jornais do dia seguinte. Logo mais tudo caía no esquecimento, como você mesmo pode comprovar hoje. Você ainda se lembra das corridas de Michael Schulmacher?

Nossa bíblia fala de uma outra corrida, que por sinal, também inglória. Aludindo aos últimos dias deste mundo, o profeta Amós diz que muitos “andarão errantes de mar a mar, do norte até

ao oriente; correrão por toda parte buscando a palavra do Senhor e não a acharão”. Há muitos privilégios na vida que as pessoas só se acordam deles depois que os perdem. Hoje, ter a bíblia, a palavra do Senhor nas mãos é um privilégio incalculável. É tão fácil ter uma bíblia que passa por banalidade, ninguém para a fim de pensar no que significou e ainda significa a preciosidade que tem ao alcance a qualquer momento. Quantos mártires não sofreram e morreram por ela para que hoje a tivéssemos assim tão largamente disseminada? Ela tem sido qual bigorna sobre a qual já se desfizeram muitos malhos, mas continua sendo a palavra do Senhor, nosso guia para a eternidade. Mas virão dias, está predito, que ela será tirada de nossas mãos e muitos correrão de mar a mar e não a acharão.

A falta da palavra do Senhor pode trazer inquietação e prejuízo. Este foi o caso do Rei Saul quando o profeta Samuel demorou alguns dias para ir ter com ele. Pelo fato de não ter a palavra do Senhor, pela demora do profeta, ele acabou desobedecendo e arruinou para sempre o seu reino.

Ele perdeu naquele dia seu reino. O mesmo profeta Amós que advertiu de no futuro não termos a palavra de Deus assim facilmente, também deixou outra advertência: Prepara-te para te encontrares com o teu Deus (Am.4:12). Nossa obra é proclamar os mandamentos de Deus e o testemunho

de Jesus Cristo. “Prepara-te… para te encontrares com o teu Deus” (Amós 4:12), é a advertência a ser dada ao mundo. É uma advertência a nós, individualmente. Somos chamados a deixar todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia. Há uma obra para fazerdes, meu irmão – tomar o jugo com Cristo. Assegurai-vos de que vosso edifício se encontra sobre a rocha. Não arrisqueis a eternidade numa probabilidade. Talvez não vivais para participar das cenas perigosas em que estamos agora entrando. A vida de nenhum de nós é assegurada por nenhum tempo dado. Não devíeis vigiar a todo momento? Não devíeis examinarmos acuradamente a vós mesmo, e indagar: Que será para mim a eternidade?” (Mensagens Escolhidas, p.116).

Você não acha que nós também podemos perder pela falta da palavra do Senhor? Aproveite-a enquanto a tem. Não precisa ser um corredor de fórmula 1, nem correr de mar a mar, apenas leia sua bíblia hoje.

Os comentários estão encerrados.