Meditação diária de 06/11/2020 por Flávio Reti – Vacina
06/11/2020
Feliz Sábado
06/11/2020

Comentários da Lição 06 (4º Trim/2020)

 Lição 06: Outras lições do Mestre dos Mestres

“Então, Jesus lhe disse: Vai, a tua fé te salvou. E imediatamente tornou a ver e seguia a Jesus estrada fora” (Mc 10:52).

Reflexão

Jesus, como os bons professores, não apenas dominava um campo do conhecimento e sua didática, mas também desafiou as concepções da realidade, do que somos e do que podemos ser. Seu magistério atacou de frente tudo o que havia de errado com a humanidade, mas Ele o fez com o maior amor e respeito. Ninguém apresentou o pecado de forma tão severa e ninguém foi mais claro sobre a dignidade humana e seu valor. Sua tarefa de ensino foi muito além de nos orientar para um bom estilo de vida. Ele veio ensinar qual é o problema básico e Se oferecer para resolvê-lo.

Comentário

Em uma  manchete em um jornal saiu essa notícia: “Procura-se um homem que herdou US$ 6 milhões de dólares e não sabe disso”. Ao ler a lição desta semana podemos entender que parece bom demais e ruim ao mesmo tempo. Pois representa a tragédia humana e está diretamente relacionado com a missão do Mestre dos mestres.

2-Em vez de se esconder

Verso:  Portanto, da mesma forma como o pecado entrou no mundo por um homem, e pelo pecado a morte, assim também a morte veio a todos os homens, porque todos pecaram; Logo, assim como por meio da desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores, assim também, por meio da obediência de um único homem muitos serão feitos justos.

Romanos 5:12,19 (NVI).

Comentário

Onde você está? O que está fazendo?” (Gn 3:9, 13, paráfrase). Essas são as últimas perguntas que queremos ouvir quando nos entregamos ao pecado. No entanto, em algum momento, Deus sussurra: “Onde você está agora?” Como a lição aponta, o evangelho é universal porque, como seres humanos, todos temos uma natureza pecaminosa e decaída

Aplicação

Uma coisa é admitir que nascemos com natureza pecaminosa e decaída; outra bem diferente é estar convencido o bastante para procurar uma solução pessoal para o problema do pecado.

Jesus nos ensinou o caminho (Seus ensinamentos), mostrou-nos o caminho (Seu exemplo) e nos abriu o caminho (por meio de Sua morte e ressurreição). Ele é, ao mesmo tempo, o Professor, o Exemplo e o Salvador, que não só expõe o pecado, mas o vence

3-Fuga

Verso: Jacó partiu de Berseba e foi para Harã.

Chegando a determinado lugar, parou para pernoitar, porque o sol já se havia posto. Tomando uma das pedras dali, usou-a como travesseiro e deitou-se.

E teve um sonho no qual viu uma escada apoiada na terra; o seu topo alcançava os céus, e os anjos de Deus subiam e desciam por ela. Ao lado dele estava o Senhor, que lhe disse: “Eu sou o Senhor, o Deus de seu Pai Abraão e o Deus de Isaque. Darei a você e a seus descendentes a terra na qual você está deitado. Estou com você e cuidarei de você, aonde quer que vá; e eu o trarei de volta a esta terra. Não o deixarei enquanto não fizer o que lhe prometi”. Quando Jacó acordou do sono, disse: “Sem dúvida o Senhor está neste lugar, mas eu não sabia! ” Gênesis 28:10-13,15,16 (NVI).

Comentário

Ellen G. White escreveu como Paulo, muito mais tarde, “contemplava a escada da visão de Jacó, que representa Cristo, e que ligou a Terra com o Céu, o homem finito com o infinito Deus. Sua fé se fortaleceu na recordação de como os patriarcas e profetas confiaram Naquele que era também seu amparo e consolação e por quem estava dando a vida” (Atos dos Apóstolos, p. 512).

Aplicação

O que essa história nos ensina sobre como Deus, em Cristo, está tentando nos alcançar, apesar de nossos pecados? Por que esse princípio deve ser mantido em primeiro plano nos ensinamentos da educação cristã?

4- O Rabi Jesus

Verso: No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus, e era Deus.

Ela estava com Deus no princípio. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele; sem ele, nada do que existe teria sido feito. Nele estava a vida, e esta era a luz dos homens.

João 1:1-4(NVI).

Comentário

De todas as introduções de capítulos no Novo Testamento, nenhuma é mais famosa do que esta: “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus” (Jo 1:1). E João 1 logo nos leva ao verso inesquecível: “E o Verbo Se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a Sua glória, glória como do Unigênito do Pai” (Jo 1:14).

Aplicação

O mesmo Deus, que havia falado com Adão e Eva no jardim, e com Jacó no meio do nada, apareceu então como Pessoa. Segundo o Novo Testamento, Deus foi personificado em Jesus. Por meio de Jesus, podemos aprender sobre a vontade de Deus e sobre o Seu caminho, pois Jesus é Deus.

Portanto, Jesus era um rabi, um mestre. Porém, nunca houve um mestre humano como Ele, pois Ele é Deus. Em outras palavras, Deus veio à humanidade na forma de um ser humano e, nessa forma, atuou como rabi e mestre. Não é de admirar que Ellen White tenha chamado Jesus de “o maior mestre que o mundo já conheceu” (Signs of the Times, 10 de junho de 1886). Afinal, esse Mestre era Deus.

5-A Mulher que retrucou

Verso: Ela respondeu: “Sim, Senhor, mas até os cachorrinhos, debaixo da mesa, comem das migalhas das crianças”.

Então ele lhe disse: “Por causa desta resposta, você pode ir; o demônio já saiu da sua filha”.

Marcos 7:28,29(NVT).

Comentário

Na cultura daquela época, uma mulher não tinha o direito de se expressar. Além disso, essa mulher pertencia a uma cultura e a um grupo étnico dos quais os judeus não gostavam, e isso a colocava em desvantagem ainda maior.

Aplicação

Então, a mulher apresentou uma resposta extraordinária. Ela estava familiarizada com os cães, diferentemente dos judeus, que não os tinham como animais de estimação, e então disse: “Sim, Senhor, porém os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos” (Mt 15:27).

Esse comentário fez a diferença. Pareceu convincente. E Jesus curou sua filha.

Faça-se contigo como queres” (Mt 15:28). Como entendemos essas palavras? Como reagimos, porém, quando as coisas não acontecem como desejamos?

6- Um aluno que entende

Verso: “O que você quer que eu lhe faça? “, perguntou-lhe Jesus. O cego respondeu: “Mestre, eu quero ver! ”

“Vá”, disse Jesus, “a sua fé o curou”. Imediatamente ele recuperou a visão e seguia a Jesus pelo caminho. Marcos 10:51,52(NVI).

Comentários

Bartimeu tinha desejado ver os cachos no cabelo de um bebê e a cor do trigo na colheita. Mas ver inclui mais do que apenas a questão física. Em outras palavras, essa história trata da visão espiritual. A essência dela é entender, captar quem é realmente o Mestre dos mestres. A visão física é algo importante, e Jesus sabe disso. Mas Ele também sabe que o desejo mais profundo de cada pessoa é uma vida nova e melhor.

Aplicação

A verdadeira educação envolve crescimento progressivo.

Ellen White declarou (entre outras coisas) que, quando realmente aceitarmos o Mestre dos mestres, “teremos o desejo de refletir Sua imagem, possuir Seu Espírito, fazer Sua vontade e agradá-Lo em todas as coisas”. Na companhia de Jesus Cristo, o dever “torna-se um deleite” (Caminho a Cristo, p. 58, 59). Nos capítulos 5 a 7 de Mateus encontramos o Sermão do Monte, um dos melhores resumos do que o Mestre desejava que Seus discípulos conhecessem, e a tônica do reino que Ele veio estabelecer. (Caminho a Cristo, p. 57-65 “O Teste da Obediência”)

_____________________________________________________________________

Elna Pereira Nascimento Cres

Professora do Ensino Superior do Unasp-HT.

 

 

 

Os comentários estão encerrados.