Meditação de Pôr do Sol de 06/03/2015 por Jael Eneas de Araujo
06/03/2015
Meditação de Pôr do Sol de 13/03/2015 por Wilson Furquim
13/03/2015

Comentários da Lição 10 (1ºTri/2015)

Comentários da Lição da Escola Sabatina
Lição 10 – Por Trás da Máscara
Por Josele Vizotto

 

DIAMANTES

Não sei quanto você conhece sobre essas pedras formidáveis. Diamantes têm muito a nos ensinar. Elas são preciosidades da natureza, formadas basicamente de carbono e, na verdade, só diferem do grafite porque receberam pressão (30 toneladas por cm2) e calor (400 graus Celsius) adequados para adquirirem essa conformação belíssima. O grafite, ao contrário, embora tendo a mesma constituição básica essencial, como não se submeteu ao calor e pressão, permanece como substância de pouco valor, escura e frágil.

Os diamantes são avaliados pelos 4C’s (The Four C’s) que atestam o valor e beleza dessas pedras: Cut (corte), Carat (quilate), Color (cor) e Clarity (claridade).

Ao ler e estudar Provérbios 25, 26 e 27 não pude deixar de pensar o quanto seres humanos podem se transformar em grafite ou diamante, dependendo de suas escolhas na vida e do quanto se “deixam lapidar”.

Embora possam parecer verdadeiras ao olhar comum, as imitações de diamantes não conseguem passar no teste dos 4C’s sob os olhos de um especialista.

Pessoas são assim. Poderão até aparentar sabedoria e distinção e suas palavras poderão até parecer convincentes, mas seu coração e mente não santificados serão conhecidos pelo Grande Especialista.

Um dia a casa cai.

Se eu pudesse retirar o supra sumo, em minha opinião, do estudo dessa semana eu o resumiria assim:

Corte (Provérbios 25: 2 e 3) – A pessoa prudente e sensata entenderá que toda a sua glória e conhecimento (ainda que religioso), não chegarão a tocar a orla do manto da sabedoria do Altíssimo, e aceitará a exortação com humildade e paciência. Se deixará quebrar e polir para chegar a um resultado de beleza e valor cada vez maiores.
A palavra aqui é HUMILDADE.

Quilate (Provérbios 26: 11 e 12) – O valor de alguém pode ser medido pelo peso do seu caráter. Um cristão que vive como se não tivesse mais nada a aprender, ou pior, acha que a sua verdade está acima da Verdade, agindo como deseja apesar das muitas orientações da Palavra, está no caminho da loucura e perdição. Isso é dupla identidade cristã. O verdadeiro seguidor de Jesus, viverá o que prega e pregará a vontade de Deus.
A palavra aqui é VERACIDADE.

Cor (Provérbios 26: 15) – Assim como os diferentes matizes dos diamantes conferem a eles beleza na diversidade às custas de pressão e calor, a vida oferecerá mais oportunidades para aqueles que resolverem persistir e não se intimidam diante dos obstáculos.
A palavra aqui é DILIGÊNCIA

Claridade (Provérbios 27: 5,6 e 17) – No mundo real, quanto mais transparente, mais valioso é o diamante. Pessoas ou palavras poderão impressionar, mas nem sempre serão verdadeiras! TUDO deve ser submetido à orientação do Espírito Santo. Sob a lupa do Espírito Santo, teremos discernimento para distinguir o beijo ou adulação de um inimigo do puxão de orelha de um amigo sincero. E mais: ter coragem para preferir o segundo.
A palavra aqui é LEALDADE.

Pra terminar: só um diamante corta outro. Os instrumentos usados para cortar e polir essas pedras são feitos com componentes de diamante.

Os filhos de Deus só se deixarão trabalhar e polir pela Sua ação através da Palavra.

O que vai ser: grafite ou diamante? Pense a respeito.

Um abraço pra você.

Josele Vizotto

Os comentários estão encerrados.