Culto de Oração
10/11/2021
Vigília – Como desenvolver a fé de crianças e jovens
12/11/2021

Comentário da lição – Lição 7 – Lei e Graça

6 a 12 de Novembro.

O verso escolhido para memorizar nesta semana, afirma: “Não anulo a graça de Deus.”Gl 2:21. Esta declaração paulina, evidencia que a graça de Deus está em pleno vigor. “Onde abundou o pecado, superabundou a graça Rm 5:20 . 

Grande parte dos cristão sabem a relação que existe entre a Lei e a Graça. O reformador Lutero, afirmava que “nos pontos em que concordamos, vamos andar juntos, e naqueles que cremos diferentes, vamos nos respeitar”. Este conceito, poderia servir de base  para os conceitos e relacionamentos entre os crentes hoje.

A Lei de Deus é o padrão de conduta no reino de Deus. Ela não foi criada para salvar. Se alguém for a uma locadora de veículos comprar um carro. Escolher o seu modelo predileto. Verificar seus opcionais e ao final perguntar: Este carro voa? Imediatamente

O vendedor vai responder: amigo este veículo possui varias funções, porém não foi criado para voar. Assim também, a Lei de Deus tem sua função, mas não foi criada para salvar. Sua função é mostrar o caminho certo que uma pessoa deve seguir para não se machucar. A lei foi dada também para nos dar liberdade e nos proteger. Livrar da idolatria , do adultério, dos roubos etc.  A lei é tudo que Deus pede de nós. Não podemos dar a Lei de Deus uma importância , maior do que ela realmente tem. Não devemos subvalorizar nem supervalorizar. Jesus afirmou: “Se me amais, guardareis os Meus Mandamentos”. A lei nos ajuda a permanecer nos caminhos de Deus e em devoção a Ele.

Já imaginou como seria viver em um mundo onde os habitantes tivesse livre arbítrio, e não tivesse uma lei que os orientassem? Mesmo em sua casa, como seria se cada pessoa que aí está fizesse o que quisesse a qualquer hora? Imagine como seria sua escola, sua empresa, sua igreja e como seria o planeta inteiro? Não existe nada errado com a Lei. O  problema está com as pessoas que não a querem obedecer. Deus sempre afirma: Guarde Meus estatutos para que te vá bem. Nunca Diz: Guarde Meus estatutos para te salvar.

Somos salvos pela graça. Ela é oferecida como um presente de Deus a humanidade que não a merece, mas aceita viver pela fé de acordo com a Sua vontade. Podemos dizer: Agora já não sou eu, mas Cristo vive em mim.  A graça é tudo aquilo que Deus faz por nós, que nós mesmos não podemos fazer.

A graça de Deus nos salva e para continuar caminhando necessitamos da Lei para nos proteger. Quando Deus cita várias vezes que o povo de Israel  era escravo do Egito, e foi tirado com o braço poderoso de Deus, Ele quer transmitir a lição que esta libertação  foi realizada pela graça de Deus e não pela obediência as leis. Hoje nós também somos salvos da escravidão do pecado, pela graça poderosa de Deus, e para demonstrarmos  nossa gratidão e amor a Ele, obedecemos aos Seus Mandamentos.

A  maior evidência do amor de Deus operando em nós, é apresentada pela maneira como tratamos nosso próximo. A obediência é uma demonstração da graça salvadora de Deus operando em nós. Adoração é a expressão  de amor de um coração salvo por um Deus de amor. Amamos a Deus,  e evidenciamos isto, amando  ao  próximo. No livro de Romanos 5:5 diz que “o amor de Deus é derramado em nossos corações através do Espirito Santo.” Isto é uma obra da graça.

Certa vez dirigindo na cidade de Recife, realizei um retorno proibido. O guarda imediatamente me parou, pediu meus documentos e disse: cidadão você viu que fez um retorno indevido? Claro que não, respondi. Disse-me que o acompanhasse até a esquina para comprovação. Mostrou o semáfora e o sinal e afirmou: por isso vou lhe multar. Neste momento falei: Seu guarda poderia fazer-me um favor, coloque 3 multas para mim. O guarda disse vou colocar apenas uma. Por que você quer 3? Respondi que já havia entrado 3 vezes desta maneira. Perguntou em que eu trabalhava. Relutei em responder, mas ele insistiu: o que você faz? Eu sou pastor da Igreja Adventista do Sétimo dia, disse. E na minha igreja agimos de duas forma quando uma pessoa erra: Damos uma disciplina aplicando a lei, ou damos uma oportunidade aplicando a graça. Se quiser aplicar a lei me dê a multa, se quiser dar a graça, me dê outra oportunidade.

O guarda sorriu e disse: Pode ir pastor, eu também sou evangélico, não vou lhe multar desta vez, vá e não erre mais,  a graça venceu. Mais uma vez senti na pele a superioridade da graça.

Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós é dom de Deus. Ef 2:8.

Pr. Abdoral Cintra

Os comentários estão encerrados.