Meditação diária 30/07
30/07/2021
Feliz Sábado
30/07/2021

Comentário da lição 5

Tema: Venham a Mim, (24 a 30 de julho).

Nessa semana os comentários estão fundamentados nos temas abaixo.

  1. “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.”
  2. “Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim”
  3. “Que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas.”
  4. “Porque o meu jugo é suave”
  5. “E o meu fardo é leve.”
  1. No livro o deseja do de todas as nações, no capítulo 34 com o título “O convite”, Jesus conforta uma multidão, dizendo “Vinde a Mim, todos os que estais cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei.” Mat. 11:28.  Com essas palavras Jesus não deixou que ninguém se sentisse excluído de Seu cuidado e amor, assim sendo, todos quantos estão cansados e oprimidos, podem-se chegar a Ele. somente aquele que carregou o peso de nossa culpa, somente aquele que tomará o fardo de nossos cansados ombros. Dar-nos-á descanso. Logo Jesus convida-nos a lançar sobre Ele todos os nossos problemas e angústia “Vinde a Mim”, eis Seu convite. Sejam quais forem vossas ansiedades e provações, exponde o caso perante o Senhor.

E como podemos atender a esse convite do Mestre? Recomendamos que para ir a Jesus precisamos fazer duas coisas:  O primeiro é o mais fácil, sentir-se cansado e sobrecarregado, e sentir a necessidade de descanso. A segunda é desistir do controle sobre nossos fardos, e levá-los a Jesus para Ele cuidar.  Todo o cristão sabe que “ir” a Jesus significa render-se a Ele. Só aceitaremos o convite de Cristo se estivermos mortos para nós mesmos, na verdade é exatamente isto que Paulo está dizendo” fui crucificado com Cristo”.

Esse é o convite de Jesus às pessoas cheias de problemas. Num mundo de constantes desafios, como é bom saber que em Jesus podemos achar descanso para a alma. Então já sabemos a fonte de nosso descanso, a fonte é Jesus.

  • O jugo é considerado como um instrumento de trabalho geralmente usado pelo gado nesses animais é posto o jugo para trabalhar, e o jugo é essencial para um trabalho eficiente. Por essa ilustração, Cristo nos ensina que somos chamados ao serviço enquanto a vida durar. Temos de tomar sobre nós o Seu jugo, a fim de sermos discípulos Seus. O verdadeiro cristão sabe e reconhece que estar sob o jugo do Senhor Jesus indica a obediência e o compromisso de seguir Seus passos e participar de Sua missão.

Os homens fabricam para o próprio pescoço jugos que parecem leves e aprazíveis, mas se demonstram extremamente torturantes. Cristo o vê, e diz: “Tomai sobre vós o Meu jugo.” Mat. 11:29. O jugo que poríeis em vosso pescoço, julgando ser bem ajustado, não o é absolutamente. Tomai sobre vós o Meu jugo, e aprendei de Mim as lições que vos são essenciais. Review and Herald, 23 de outubro de 1900.

Sabemos que Jesus quer nos ensinar a sermos mansos e humildes, em toda a nossa trajetória de vida e submissão a Ele, quando isto acontece, quando Jesus é Senhor total e irrestrito de nossas vidas, experimentamos o verdadeiro descanso por essa razão que necessitamos de um Salvador que tome nosso lugar como Intercessor e Substituto.

  • “Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Contra essas coisas não há lei. Gálatas 5:22-23”. Cristo era manso e humilde de coração todas as características do fruto do Espírito estão presente de Cristo Jesus.  Temos de entrar para a escola de Cristo, a fim de aprender dEle mansidão e humildade. A Redenção é o processo pelo qual a alma é preparada para o Céu. Esse preparo implica em conhecer a Cristo o verdadeiro e único Salvador.

Os anjos de Deus se aproximam dos que com humildade de coração buscam a direção divina. O Espírito Santo é doado para lhes abrir os ricos tesouros da verdade” (Ellen G. White, Parábolas de Jesus, p. 59). Junto da mansidão está também a humildade. Uma pessoa humilde é o oposto da pessoa soberba, arrogante e orgulhosa.

Jesus nos diz: “Se alguém quer vir após Mim, a si mesmo se negue, dia a dia tome a sua cruz e siga-Me”. Luc. 9:23. Cristo, unicamente, pode tornar-nos aptos a atender quando Ele declara: “Tomai sobre vós o Meu jugo e aprendei de Mim, porque sou manso e humilde de coração.” Mat. 11:29. Isto significa que o próprio eu, deve ser negado diariamente. Cristo pode dar-nos a nobre resolução, a vontade de sofrer e de travar as batalhas do Senhor com perseverante energia. (Review and Herald, 30 de outubro de 1900.)

  • Confiar continuamente em Deus há segurança; não haverá o constante temor de um mal futuro. Esse cuidado e ansiedade tomados emprestados, cessarão. Temos um Pai celestial que cuida de Seus filhos, e deseja tornar, e tornará, Sua graça suficiente em todos os tempos de necessidade. (Testimonies, vol. 2, pág. 72. ).

Nenhuma lágrima é vertida sem que Deus a note. Não há sorriso que Ele não perceba. Se tão-somente crêssemos isto plenamente, desaparecer-se-iam todas as ansiedades inúteis. Nossa vida não estaria tão cheia de decepções como agora; pois tudo, quer grande quer pequeno, seria confiado às mãos de Deus, que Se não embaraça com a multiplicidade dos cuidados, nem é dominado por seu peso. Havíamos de desfrutar então um repouso de alma ao qual muitos têm sido por muito tempo alheios. Caminho a Cristo, pág. 86.

Se a alma é sobrecarregada, a pessoa subjugada, isso nunca pode ser atribuído a Deus, como tendo deixado de dar forças em graça, e a explicação e uma só Jesus responde, “Porque o meu jugo é suave”.

  • A Bíblia nos diz: “Suportar os fardos uns dos outros, e assim cumprir a lei de Cristo” (Gal. 6:2). Levar os fardos significa restaurar aquele que cai, ajudando nas dificuldades, apoiar os outros em suas tarefas… Compartilhar os fardos é uma atividade ordenada por Deus à igreja que requer mansidão e produz compaixão, uma igreja vitoriosa não pode deixar de considerar essas informações.

Informações da época de Cristo, assim como agora nos lembram que o jugo era colocado em dois animais. Isso permitia que o esforço fosse compartilhado. Em um ponto, se um animal fosse fraco, o outro compensaria essa fraqueza com sua força. Nós somos fracos, mas, Jesus é sem dúvida, a parte forte da canga. Podemos confiar nele, pois ele faz o fardo ser leve para nós.

“Suportar o jugo com Cristo significa trabalhar de acordo com suas diretrizes, ser um coparticipante com ele em seus sofrimentos e esforços em nome da humanidade perdida. (E. G. W. (CBA, vol. 5, material suplementar sobre Mateus 12:29, pg. 1067).

E finalmente é necesario reconhecer que O descanso é algo criado por Deus. As nossas forças são limitadas e por isso temos que saber quando devemos parar para descansar. Por vezes estamos envolvidos em tantas coisas que acabamos não tendo tempo para a família e amigos. Temos que aprender a dizer não para algumas coisas. E quando dizemos “sim”, temos que aprender a cumprir essas coisas até o final. Deus restaura as nossas forças quando estamos cansados, mas para isso temos que reconhecer que somos fracos e que precisamos d’Ele.

Então lembre-se e considere esse convite: “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu darei descanso a vocês. Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas. Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”

Prof. Admilson Almeida

Os comentários estão encerrados.